Porção semanal de Torá

Mais lidos
Os Mais Vistos
Pergunte o Rabino
Calendário de eventos

Parashat Chayei Sará - Valorizar o tempo

Sará levou consigo "a menina de sete anos" com todas suas virtudes à idade de vinte anos. Assim também levou consigo "a adolescente de vinte anos" à idade de cem anos. Assim também era Avraham, como escreve a Torá:" E Avraham está velho e  veio co todos os seus dias"- todos os dias eram usados ​​ao máximo, e se tornaram parte integrante de sua personalidade.

SENSIBILIDADE COM O PRÓXIMO – PARASHAT TOLDOT

O Seder seguia tranquilo, com todos os convidados se sentido muito à vontade e revivendo juntos a saída do Egito. Quando todos estavam prestes a levantar as taças para cumprir a Mitzvá de beber um dos quatro copos de vinho, um dos convidados se descuidou e derrubou sua taça. Imediatamente o vinho tinto espirrou sobre toda a linda toalha de linho branca, deixando uma enorme mancha.

Bondade e sensibilidade

Mesmo os melhores traços de caráter podem ser mal utilizados, e mesmo os piores traços de caráter podem ser canalizados e utilizados de maneira produtiva. Devemos usar nossa sensibilidade de forma que seja produtiva e para o bem.

Aprendendo com o mal

Durante o período de férias eles tiveram uma incrível ideia. Coletaram cerca de cinquenta dólares de cada um dos alunos, o suficiente para comprar uma passagem aérea de ida e volta aos Estados Unidos. Um dos alunos então embarcou, em uma jornada de um dia e meio de viagem, com o único propósito de trazer comida de um restaurante famoso dos Estados Unidos.

O VERDADEIRO DONO DA VITÓRIA - PARASHAT MIKETZ E CHÁNUKA

A verdade logo veio à tona: ninguém havia pagado pelo anúncio, ele simplesmente foi colocado lá de forma gratuita pelo jornal. Quando o gerente de produção do "The New York Times", um católico irlandês, foi questionado a respeito daquele anúncio, ele respondeu: - Não sabemos o que acontecerá no ano de 2100. É impossível prever o futuro. Porém, de uma coisa vocês podem estar certos: no ano de 2100, mulheres judias ainda estarão acendendo as velas de Shabat…"

A política econômica e social de Yossef no Reino egípcio

A primeira ação posta na prática por Yossef, consta na Torá (Bereshit 41:46):" E Yossef saiu diante de Faraó e passou por toda a terra do Egito". O intuito deste ato foi para conhecer o povo pessoalmente, para conhecer suas necessidades pessoais. Deste modo, ele realmente pode sentir as verdadeiras necessidades do povo.  

Preservar a identidade judaica

Todas as nações que vão para o exílio, cedo ou tarde se mesclam nas outras nações, deixando de manter quatro sinais que os diferenciam das outra nações: nomes específicos, idioma original, casamentos mistos, cuidado para não caluniar uns aos outros.

Como viver com responsabilidade

Um dia, o dono da granja fincou um bambu no meio do campo, amarrou nele uma extremidade de um barbante e a outra extremidade ele amarrou no pé daquela galinha.  Desse modo, de repente, o mundo tão amplo da galinha foi reduzido a exatamente até onde o barbante lhe permitia chegar.  A galinha tentou se libertar algumas vezes, mas depois desistiu.

Ajudando a aliviar o peso

- Me desculpe, você pode conversar comigo sobre o Talmud todos os dias na Yeshivá, mas neste exato momento eu prefiro que não, pois estou cumprindo a Mitzvá de “Achnassat Orchim” (receber um convidado). Este rapaz é novo ...

Um, único e especial

Rashi explica na parashá,  "o mau olhado está presente em algo contado". Caso uma boas virtude de certa pessoa ou um bom ato de certa pessoa passa a ser assunto público, automáticamente, o grau de justiça pode prejudicar seu ponto de sucesso e diminuí-lo.

Bondades equilibradas

Para o choque de todos da organização, eles descobriram que Shmuel, esta criança tão carente, era um membro daquela família! Os pais de Shmuel estavam tão preocupados ​​em ajudar e cuidar dos outros que acabaram negligenciando o cuidado de quem eles eram mais responsáveis. (História Real).

Pense antes de falar

O Rav Chaim Berlin, que era muito próximo do Rav Yitzchak Blazer, também acatou a vontade do falecido. Porém, ele achou que o momento da partida de um Tzadik (Justo) tão grande não poderia passar em branco. Após refletir muito, ele chegou à conclusão de que o falecido havia pedido para que não houvesse discursos de louvor, mas não havia pedido para que as pessoas não chorassem por sua morte. Então ele convocou toda a cidade para que escutassem palavras fortes de despertar pela perda de um grande sábio de Torá, levando todos ao choro. 

Parashat Kedoshim - Amar ao próximo, como a ti mesmo!?!  

À luz da existência dessa mitsvá, surge uma questão fundamental: como é possível que a Torá nos ordena amar aos outros? O amor é um sentimento que vem do coração e está enraizado no sentimento interior. Se sim, como alguém pode alcançar o amor de outra pessoa de acordo com a mitsvá ordenada acima? Além disso, a Torá exige amar o companheiro "como você", como você ama a si mesmo, e o homem está perto de si mesmo, e se assim for como alguém pode exigir que o homem ame os outros como ele ama a si mesmo?

Valorizar os pequenos passos e as pequenas coisas

Ao perceber isso, Yitró sugeriu que de todo o povo fossem escolhidas as devidas pessoas para que pudessem conduzir um julgamento sem nenhuma inclinação a nenhum lado e sem nenhum interesse pessoal, como consta na Torá (Shemot 18:21). Yitró propôs a criação de um sistema judicial composto por ministros sobre milhares de pessoas, sobre centenas de pessoas, sobre dezenas de pessoas e etc..., que ficariam ao lado de Moshe

Parashat Va’Ethanan - Para crianças

Ele imediatamente começou a obra: chamou os melhores profissionais, e os instruiu para usar o melhor e mais caro material do mercado, para construir um palácio luxuoso de alta qualidade.

Criando raízes

Por que a Torá ressalta tanto a importância das "primícias", ao invés de nos comandar a oferecer o melhor da nossa produção?