Mais lidos

Se consultar com o passado e o futuro

O Trecho Diário, Parashat Nitzavim

Se consultar com o passado e o futuro
Em uma das discussões internacionais sobre a divisão de Eretz Israel, Ben-Gurion perguntou a Yitzhak Tabenkin, que era um dos pioneiros do movimento kibutziano, como ele deveria decidir. Tabenkin respondeu: "Eu devo fazer consultas a respeito." No dia seguinte, respondeu a Ben Gurion:  "Não, não aceite essa proposta." Ben Gurion perguntou quem Tabenkin havia consultado e ele respondeu: "Consultei meu avô, que já faleceu e meu neto, que ainda não nasceu". Ou seja, consultei o passado e o futuro, com os quais tenho responsabilidade, mesmo que não estejam fisicamente presentes. 

A Parasha dessa semana nos conta  com  quem o Povo tem uma  aliança especial: "כִּי אֶת אֲשֶׁר יֶשְׁנוֹ פֹּה עִמָּנוּ עֹמֵד הַיּוֹם לִפְנֵי ה' אֱלֹהֵינוּ וְאֵת אֲשֶׁר אֵינֶנּוּ פֹּה עִמָּנוּ הַיּוֹם" -  “com os que estão aqui conosco hoje diante do Senhor, nosso Deus, e também com aqueles que não estão aqui conosco hoje”. Às vésperas do novo ano, a Parasha nos lembra que há aqui uma história maior do que a nossa história pessoal e individual. As decisões que tomamos na vida - para o bem ou para o mal - afetam também aqueles que já não estão mais aqui e também aqueles que ainda não estão aqui.