O Trecho Diário / Sivan Rahav-Meir
Mais lidos

Trecho diário - Sivan Rahav Meir

O Caminho para a Santidade - Gerações Anteriores

Trecho Diário da Parashat Kedoshim

01.05.19 | 05:13
O Caminho para a Santidade - Gerações Anteriores / Trecho Diário da Parashat Kedoshim
Por que a foto do novo membro do Knesset, Gadi Ibarkan beijando os pés de sua mãe emocionou tanto? Por que, depois de um dia inteiro de cerimônias e discursos na abertura do Knesset, essa imagem ficou especialmente gravada na memória? A imagem mostra um advogado, um membro do Knesset, em um traje ocidental, beijando os pés de sua mãe idosa, que segura uma vara e está vestida com roupas tradicionais. Nos portões do Knesset, Gadi fez algo não relacionado a partidos e legislação, mas mais a espírito, cultura, valores e tradição. Não, a maioria de nós não beija os pés dos nossos pais assim, e isso não é exatamente o que devemos aprender com a foto. Em uma era de quebrar limites e autoridade, a mensagem central que passa aqui é não esquecer de onde viemos. Não se envergonhar das raízes e costumes da nossa comunidade. Demonstrar gratidão à geração anterior (como disse Gadi ontem: "Tudo graças a minha mãe"). Comportar-se à tradição das gerações com humildade e não com orgulho, com amor e não com vergonha. Falar não só dos direitos da criança, mas também das suas obrigações. "קְדֹושִׁים תִּהְיוּ" Serás santo, porque eu, o Senhor teu D´s, sou santo.  É assim que a porção semanal da Torá se abre, e então vem uma sequência de instruções que nos diz como alcançar a tão esperada santidade. Entre outras coisas, diz: Todo homem temerá a mãe e o pai, e guardará os meus sábados. Eu sou o Senhor, seu D´s. Você se levantará diante de uma pessoa venerável e respeitará os idosos e terá medo de seu Deus. Entre outras coisas escritas lá: Todo homem temerá a mãe e o pai acontece que o caminho para a santidade passa primeiro pela relação às gerações anteriores.