Mais lidos

Crianças Hidabroot

Parashat Bo para crianças

Uma vez um comerciante chamado Meir que chegou ao hotel. Meir morava em uma pequena aldeia e, em geral, não conhecia todos os refinamentos da grande cidade. Ele ficou tão impressionado com o hotel, principalmente das deliciosas refeições que serviram todos os dias em horas fixas. Meir comeu com grande apetite e admiração, pois nunca incontrou todos esses alimentos interessantes.

Comida pronta - Parashat Bo
"E aconteceu, naquele mesmo dia, que D'us tirou os filhos de Israel da terra do Egito" (Êxodo 12:35)
Em uma cidade, grande e distante, havia um hotel especial e muito luxuoso. Muitos homens chegaram a esta cidade paraseus negócios, e eles escolheram este hotel .

Uma vez um comerciante chamado Meir que chegou ao hotel. Meir morava em uma pequena aldeia e, em geral, não conhecia todos os refinamentos da grande cidade. Ele ficou tão impressionado com o hotel, principalmente das deliciosas refeições que serviram todos os dias em horas fixas. Meir comeu com grande apetite e admiração, pois nunca incontrou todos esses alimentos interessantes. 
Um dia, de manhã , ele saiu cedo, para comprar mercadoria. Naquele dia ele teve muito sucesso nos negócios, e ele terminou todos os seus assuntos com grande rapidez. Ele voltou ao hotel cedo, e começou se-sentir fome.

Ele pediu a dona do hotel, "eu quero comer".

"Agora?" "Ela respondeu."Ainda não há comida pronta. Só agora os cozinheiros colocam as panelas no fogo, e levará tempo até a comida será pronta".

Meir ficou assustado. "Mashoje a a tarde eu tenho uma reunião importante com um dos comerciantes, eu quero comer a refeição agora, mas agora imediatamente!"

Bem, tudo bem ... Se um visitante perguntar - você deve dar-lhe. Ele está pagando pelo serviço do hotel!

Passaram-se alguns minutos, e a refeição já estava na mesa do Meir. Ele ficou muito feliz e imediatamente colocou o garfo na carne.

"Oh, o que é isso?" Meir estremeceu. "A carne é tão dura!"

Quando ele colocou a comida na boca ele ficou ainda mais assustado: "Oh, isso é horrível!" Chorou com grande decepção. Ele se levantou da mesa e foi na direçaõ da dona do hotel. Ele começou a gritar e ficou com muita raiva da terrível comida que lhe haviam servido hoje.

"Certo, você está certo", respondeu a mulher. É muito ruim que você não concordou em esperar mais uma hora, e se você esperasse, você ainda teria comida saborosa ".

No dia seguinte, Meir não tinha consultas nem negócios. Sentou-se na entrada do hotel e olhou para o livro. "Você quer comer agora?" A dona  do hotel perguntou-lhe.
"Absolutamente não", respondeu Meir. Ele não conseguia pensar em comer agora, tão cedo, lembrando o sabor horrível da refeição de ontem.

"Não se preocupe, tudo ficará bem hoje", prometeu o dono do hotel, e imediatamente chamou aos garçons para trazer na mesa a refeição e servir os pratos.

Meir provou e gostou da comida gostosa, como sempre. "O que aconteceu hoje?" Pergunte aos garçons. "Como há uma refeição maravilhosa hoje, e ontem vocês me deram uma refeição tão ruim?"

"Oh, hoje? Hoje, o cozinheiro chefe teve que sair , então eles cozinharam a refeição antes do tempo", responderam os garçons.

Agora Meir entendeu a diferença ...

E o exemplo -

Estamos agora no exílio há muito tempo. Durante todos os anos do Exílio, D'us está nos preparando para a Redenção, lentamente, igual uma comida que para ficar deliciosa pecisa se cozinhar lentamente e, como a fruta amadurece lentamente na árvore. Se a fruta é colhida com antecedência - não ter[a o bom sabor, será bálsamo, sem graça, igual a refeição desagradável de Meir!

Mesmo no exílio do egíto, tivemos que esperar até chegar o momento em que o povo de Israel estaria totalmente preparado para a redenção. Se fossem resgatados antes do tempo, não seriam preparados a receber a santa Torá. Também é neste exílio nosso: temos que ser pacientes e esperar. Não devemos empurrar o fim, mas apenas rezar e pedir a D'us Todo-Poderoso que ele próprio - igual o chefe dozinha que pode acelerar a refeição - nos preparará rápido para a redenção e nos traga o Meshiach hoje!