Elvis depois de 40 anos : "Eu quero ser parte da nação escolhida"

Elvis depois de 40 anos : "Eu quero ser parte da nação escolhida"

"Ele sempre esteve procurando um significado para a vida "

Elvis depois de 40 anos : Eu quero ser parte da nação escolhida

40 anos após a morte de Elvis Presley, partes desconhecidas de sua vida estão se tornando mais conhecidas. Um desses fatos, era seus laços com judeus e judaísmo. Há 10 anos, o cabelereiro judaico de Elvis, Larry Geller escreveu um livro sobre sua relação especial com Elvis desde o momento em que se conheceram até o momento em que Elvis pediu que ele deixasse seu emprego e se tornasse seu cabeleireiro pessoal. O momento em que Elvis pediu que ele abandonasse seu trabalho em outro lugar, foi quando Larry lhe disse que estava procurando um verdadeiro significado em sua vida e uma conexão pura com D'us em sua vida. Elvis ouviu isso e imediatamente gostou de Geller e queria ouvir mais sobre essa missão. Elvis queria encontrar Larry diariamente.

Geller contou ao jornalista Dudi Patimer, durante uma entrevista do jornal Maariv sobre o capítulo em seu livro que relata  o relacionamento de Elvis com o judaísmo: "Um dia eu estava fazendo o cabelo do Elvis e eu encontrei ele segurando uma Bíblia nas mãos. Quando perguntei por que ele estava chorando, ele respondeu: "Eu quero ser um judeu como você do mais alto nível. Os judeus são a nação escolhida e eu também quero ser parte desta nação ".

Geller também acrescenta que, embora a mãe de Elvis fosse judia, o pai de Elvis era católico e escondeu o judaísmo  por medo do racismo. Quando Elvis era jovem, sua família morava em um bairro judeu em Memphis, Tennessee, em um prédio com uma família ortodoxa chamada Fruchter. O rabino Alfred Fruchter foi a primeira pessoa a ensinar hebraico em Memphis. Ele era casado com Janette e tinha 4 filhos; Judy, Harold, David e Debby.

"Se meu pai tivesse certeza que Elvis era judeu, ele teria lhe ensinado o judaísmo e o traria de volta"
Geller diz que a mãe de Elvis e a Sra. Fruchter eram boas amigas que tomavam café juntas. Eles moravam em um pequeno prédio e eram bons vizinhos. Conta Harold Fruchter ; "Uma vez minha mãe me disse que a família Presley não conseguia pagar sua conta de luz e então nós os ajudamos e pagamos." Harold (Haim Lev - Nome em Hebraico) é  músico profissional em uma orquestra de casamento judaica.


"Como uma família ortodoxa, nós mantivemos o Shabat e todas as sextas-feira, os Presley jantavam conosco. Meu pai me disse que Elvis realmente amava nosso "kneidalach" (bolas de matzoh). Elvis adorava música judaica e meu pai lhe daria Discos de Hazanut ( cantos da reza judaica) do cantor Moshe Oysher.

"Quando precisávamos acender o gás ou a luz, Elvis era nosso" Goy da Shabbat  "(para fazer o que não poderíamos fazer no Shabat), mas se soubéssemos que ele era realmente judeu, meu pai o teria trazido de volta ao Judaísmo ", Diz Harold.
Jewish History

"Quando Elvis morreu, eu receitei Kaddish para ele em hebraico"
Geller escreve sobre a implacável busca por espiritualidade de Elvis. "Elvis estava com sede de aprender mais sobre o judaísmo e aprofundar-se nisso. Eu trouxe muitos livros para ele ler sobre o judaísmo e até lhe ensinei a Cabala, a tradição judaica e seus símbolos, e até mesmo o alfabeto hebraico ".

Em 1970, Elvis foi o padrinho no casamento da personalidade de rádio, George Klein, que era seu melhor amigo. Klein diz: "Elvis foi meu melhor amigo. Nos conhecemos na 8ª série em 1948. Quando me casei em 1970, Elvis assinou como testemunha no meu "Ketuba" (contrato de casamento judaico) com a permissão do rabino que conhecia as raízes judaicas de Elvis ".

Klein diz que quando os primeiros representantes da escola  judaica em Memphis vieram a Elvis para uma doação, eles pediram por US $ 1.000. Ele pediu que esperassem alguns momentos e voltou com um cheque por US $ 150.000! Klein diz: "Elvis não era apenas gentil, ele realmente amava o judaísmo, não há outra maneira de explicar. Quando ele morreu, eu disse a Kaddish por ele em hebraico ".

 

 

 

 

 

 

 

 

 

https://br.hidabroot.com/