Em Israel, fumar pode ser parte do passado

Saúde e Nutrição

Em Israel, fumar pode ser parte do passado

Uma nova proposta de lei em Israel tentará fazer isso.

21.08.17 | 18:57
Em Israel, fumar pode ser parte do passado

Uma nova proposta de lei que proíbe as vendas de cigarros para pessoas que nasceram de 2010 e em diante pode fazer Israel ser livre de fumantes em uma geração. Essa proposta foi feita no Knesset.
 

O Ministério da Saúde divulgou estatísticas da quantidade de fumantes e suas idades. As estatísticas mostram que 22,5% da população adulta de 21 anos são fumantes e a população total de fumantes é de 1,2 milhão de pessoas. Outra estatística alarmante mostra que crianças em Israel estão tentando seu primeiro cigarro em uma idade mais jovem do que nunca. Já na 7ª série (12-13 anos), 2,6% dos meninos Israelenses já estão fumando.

Para combater isso, os legisladores do risco da saúde no Knesset, esperam tornar a venda de cigarros ilegal para qualquer pessoa nascida após 2010, a fim de desmamar a geração jovem deste perigoso e viciante hábito. É bem possível que, ao preparar a lei para próxima etapa, os legisladores podem diminuir a idade para aqueles que nasceram em 2007. As pessoas nascidas antes desse ano ainda poderão comprar seus cigarros para não prejudicar a atual população do tabagismo.
 

De acordo com esta nova lei, você precisará do RG para comprar cigarros e qualquer pessoa com um RG com data de 2010 não possa comprar. As mesmas multas para a venda de cigarros para menores de 18 anos serão aplicadas a esta lei. Atualmente, as multas podem ser superiores a 10 000 shekel por venda. A nova lei propõe que a venda é ilegal, considerando que a compra não está sendo feita em lojas que vendem a clientes ilegais responsáveis de pagar dezenas de milhares de shekels em multas se forem capturados, além de terem cometido uma infração criminal sem risco por parte do comprador.
 

MK Zandberg disse ao jornal Yedioth: "A saúde da geração futura repousa nos nossos ombros. Durante décadas, ficamos no caminho e permitimos que a ameaça do tabaco continuasse reivindicando a vida de milhares a cada ano durante um período na qual os esforços limitados das autoridades eram tentar limitar o fumo em vez de interrompê-lo totalmente. As leis que limitam a idade dos fumantes devem promover a mensagem de que as pessoas mais velhas podem fumar, mas na verdade a mensagem deve ser o contrário, alto e claro: proibimos permitir que nossos filhos se juntem ao ciclo mortal de tabagismo ".

MK Tamar Zandberg foi quem propôs a nova lei com a parceria da MK Yael German, MK Yehudah Glick e MK Dov Hanin. A Sociedade Israelense do Câncer é parte desta nova lei e abençoa sua proposta junto com médicos da Associação de Saúde Pública em Israel.

 

 

 

 

 

Mais lidos
https://br.hidabroot.com/